Coletivo Caimbé apresenta Sarau da Lona Poética no Rio de Janeiro

Sarau da Lona Poética_agosto de 2015_Fotos Coletivo Caimbé (1)De 4 a 7 de setembro será realizado no Rio de Janeiro o I Encontro Nacional de Saraus (SarAll), evento que integra a programação da XVII Bienal do Livro do Rio.  O SarALL reunirá poetas e grupos originários de diferentes regiões do país para trocar experiências e manter viva a tradição poética oral.

A proposta é valorizar a espontaneidade e a interação com a plateia, que terá o microfone à disposição. As sessões vão começar com uma discussão teórica, abordando a prática e a metodologia de cada grupo e, em seguida, haverá apresentações dos coletivos.

Da região Norte, o único grupo participante é o Coletivo Arteliteratura Caimbé. O  jornalista e escritor Edgar Borges, articulador do coletivo, vai representar Roraima e apresentar a metodologia e as experiências do Sarau da Lona Poética, encontro literário que reúne mensalmente poetas, declamadores e músicos em diversos lugares de Boa Vista.

O Sarau da Lona Poética é o único evento público deste gênero realizado regularmente em  Roraima. Esta ação do Coletivo Caimbé teve início em 2014, dando sequência a outros saraus que vinham sendo realizados desde 2009, ano em que foi criado o grupo.

“Fomos convidados pelo professor e promotor cultural Écio Salles, organizador  do SarAll, para falar das motivações e de nosso fazer poético no Norte do Brasil. Estar em um evento do porte da Bienal para apresentar nosso trabalho é muito importante para nós, do Coletivo Caimbé, pois acreditamos que isso representa o reconhecimento de que atuamos de forma positiva para o fortalecimento da cena literária em nosso Estado”, afirma Edgar Borges.

 O Sarau da Lona Poética é um evento itinerante realizado em praças e parques e tem a intenção de promover a circulação da poesia que se faz e lê em Roraima. Para ver imagens e vídeos das edições do sarau, acesse o blogwww.caimbe.blogspot.com.br,  curta a página www.facebook.com/coletivocaimbe ou siga o grupo no perfilwww.twitter.com/coletivocaimbe.

Deixe uma resposta