TRAGÉDIA: Corpo de brasileiro morto na Venezuela embarca para o Amazonas

O corpo do turista brasileiro Amaury Castro da Silva, morto durante um assalto perto de Puerto Ordaz, na Venezuela, chegou a Pacaraima, cidade de fronteira ao Norte de Roraima, na tarde desta segunda-feira (15) em um avião cedido pelo governo venezuelano.

Amaury viajava com cerca de 20 pessoas, entre familiares e amigos, em um comboio de nove veículos com destino à Ilha de Margarita, principal destino de turistas brasileiros, quando foi assassinado com um tiro no peito disparado por um dos criminosos.

Antes de chegar a Pacaraima, na fronteira com o país vizinho, a aeronave fez uma parada em Santa Elena de Uiaren, última cidade venezuelana antes de chegar ao Brasil, por volta das 16h (horário local).

De Pacaraima o corpo segue para Manaus, onde Amaury morava, em um avião brasileiro que decolou da pista do Exército. O corpo do amazonense e os familiares foram levados de Puerto Ordaz para Pacaraima em aeronaves venezuelanas, enquanto os amigos retornam com os próprios veículos e devem chegar ao Brasil nesta segunda-feira.

O traslado do corpo para o Brasil foi feito com o apoio da secretária-adjunta de Gestão Internacional de Roraima, Fátima Araújo, que contatou as autoridades na Venezuela.

Deixe uma resposta